Coliseu Romano

Roma, República Italiana
Região: Lácio, Roma
Tema:
Roma Antiga
Sítio Arqueológico: Parque Arqueológico do Coliseu
Visita:
Julho, 2016
Patrimônio Mundial da UNESCO, 1980

Website Collection location
Website GoogleMaps

Parque Arqueológico do Coliseu (Parco Acheologico del Colosseo) é um complexo histórico onde o admirável Coliseu Romano juntamente com o Monte Palatino e o Fórum fazem parte da mais extraordinária e icônica atração da cidade dos Césares. Ave-Ave-Ave César ! Ave Augustus !!!

A Terra dos Imperadores, gladiadores, pensadores, políticos, heróis e sobretudo o orgulho dos romanos. Roma é, sem dúvida, uma lenda dos dias atuais, fantasma de sua própria história, lúdica com seus personagens, bélica, mística e também religiosa. Roma é profundamente ROMA !!! A tríade Coliseu, Fórum e Palatino é um dia cheio, ou mais dependendo da disposição. Pelas ruas do passado há inúmeras referências históricas para reflexões, repletos de instantes vividos, fotos e muita caminhada.

COLISEU

Coliseu ou Colosseo simplesmente é uma obra prima do tempo em Roma – ou a mais significativa – palco de batalhas, desafios, espetáculos é a “prima donna” dos monumentos. A construção do Anfiteatro Flávio, mais conhecido como Coliseu, começou por volta do ano 71 d.C. no reinado do Imperador Vespasiano. O Coliseu foi construído em um vale, depois da drenagem de um pequeno lago que o Imperador Nero usava para a Domus Aurea, entre as colinas do Palatino, Esquilino e Célio. O imperador Tito inaugurou o Coliseu no ano 80, porém só terminou os trabalhos que incluíam o último andar dois anos mais tarde.


O Coliseu se tornou o maior anfiteatro romano, com uma estrutura elíptica de 188 metros de comprimento, 156 metros de largura e 57 metros de altura. Construído com tijolos e revestido de mármore travertino, foi dividido em cinco níveis e havia capacidade para mais de 50.000 pessoas. Quando ele foi inaugurado pelo Imperador Tito, foram realizados 100 dias de jogos nas arenas, durante os quais morreram cerca de 2.000 gladiadores e 9.000 animais. As atrações incluíam execuções, batalhas navais, combates de gladiadores, lutas e caça de animais, dentre outros. As suas áreas eram definidas de acordo com a classe social, quanto mais perto da arena, mais elevado era o nível a que pertenciam.


O anfiteatro, o primeiro permanente erguido em Roma, funcionou como o principal palco de lutas da cidade até o ano 404 d.C, quando o imperador Flávio Honório proibiu definitivamente os combates entre gladiadores. Depois disso, o Coliseu teve diversos usos. Durante a Idade Média, o mármore e o bronze de sua estrutura foram sendo saqueados aos poucos e usados para ornamentar igrejas e monumentos católicos.


Escavações dos coletores de esgoto do Coliseu devolveram os restos de esqueletos de vários animais domésticos e selvagens, incluindo ursos, leões, cavalos, avestruzes.

Arco de Tito

(ano 81 d.C.). Fica na entrada do sítio arqueológico mais próxima ao Coliseu. Esta construção foi a fonte de inspiração para o Arco do Triunfo de Paris. O imperador Domiciano mandou erguer o arco em homenagem às vitórias de seu irmão Tito sobre os judeus de Jerusalém.


Foto-α: Coliseu Romano
Fontes: RomeMuseum.com & RodasNosPes.com


Uma arena do tamanho da loucura dos Homens; senão… e por certo, ainda menor.


UM Valew Valew OnTheRoad ==🤙

One Comment Add yours

  1. pedmar10 says:

    Bom dia!
    Uma sugestão, você pode dividir os monumentos em vários posts para ter mais visibilidade como o que faço. Belas fotos, portanto. tchau

    Liked by 1 person

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.